Guia rápido de tipos de impressão e matrizes gráficas - Parte I

quarta-feira, 7 de maio de 2014

O Guia rápido de tipos de impressão e matrizes gráficas - Parte I é um resumão das características dos principais métodos de impressão e em qual situação é mais adequada para escolher cada um deles. Nesse post: impressão tipográfica, offset, rotogravura e flexogravura.

IMPRESSÃO TIPOGRÁFICA
Matriz: clichê de zinco, tipos móveis, fotopolímero e linotipos
Grafismo: alto relevo, derivado da técnica de xilogravura
Tinta: à base de óleo, gordurosa e pastosa
Modo de impressão: direta sobre o suporte
Suporte: papéis e derivados
Secagem: lenta
Tiragem: pequenas e médias
Resultado do grafismo: pequeno relevo sobre o suporte
Retículas: evitar trabalhar com desenho e traço
Áreas mínimas e máximas: textos e desenhos a traço
Bom para: notas fiscais, cartões de visita, envelopes, convites etc

OFFSET
Matriz: chapa de alumínio, metálica plana
Grafismo: sem relevo (plano)
Tinta: à base de óleo, gordurosa e pastosa
Modo de impressão: indireta sobre o suporte, utiliza blanqueta (rolo emborrachado para transferência)
Suporte: papéis, plásticos, vegetais, papéis metalizados
Secagem: por oxidação, UV e elevação da temperatura
Tiragem: cerca de 500 mil cópias por matriz
Resultado do grafismo: excelente, pontos bem reduzidos e contorno ótimo dos traços
Retículas: pontos elípticos, redondos ou estocásticos - bordas levemente irregulares
Áreas mínimas e máximas: ótima definição entre tons de cores
Bom para: livros, revistas, materiais promocionais, embalagens, jornais, rótulos etc

Para saber mais detalhes sobre o processo de impressão offset, veja o post: Tipos de impressão - parte I: Offset

ROTOGRAVURA
Matriz: cilindro gravado em baixo-relevo
Grafismo: composto por alvéolos (baixo-relevo)
Tinta: fluidas (líquidas), base de água ou solvente
Modo de impressão: direta sobre o suporte
Suporte: papéis, plásticos, papéis metalizados
Secagem: UV e elevação da temperatura
Tiragem: acima de 10 milhões de cópias por matriz
Resultado do grafismo: bom, apresenta marca dos alvéolos nos textos e imagens a traço
Retículas: pontos redondos (as letras apresentam pequenos pontos ao seu redor por causa do alvéolos)
Áreas mínimas e máximas: boa definição entre tons de cores
Bom para: revistas, embalagens, rótulos e embalagens de alta tiragem

FLEXOGRAVURA
Matriz: borracha flexível, fotopolímero
Grafismo: alto relevo, derivado da tipografia
Tinta: fluidas, base de água ou solvente
Modo de impressão: direta sobre o suporte
Suporte: papéis, plásticos, papéis metalizados
Secagem: UV e elevação da temperatura
Tiragem: acima de 1 milhão de cópias por matriz
Resultado do grafismo: bom, apresenta marca da borracha no suporte
Retículas: pontos redondos, levemente distorcidos (retículas de meio tom tendem a se perder por causa de sua matriz de borracha)
Áreas mínimas e máximas: média definição entre tons de cores
Bom para: sacolas, embalagens, etiquetas, cartonagens etc

Veja a parte II: tampografia, serigrafia, impressão digital, holografia e plotter

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...